quinta-feira, 13 de março de 2014

isto não é um poema

uma imagem entre-córnea/retina
um nome entre-pele/ossos
desde quando
por motivos quase óbvios
não se desfaz

parte incrustada
desde quando
três ou sete pontos nodais
sumo extraído

isto não é um poema: é fino e corta, religa e arranha
isto não é um poema: é agulha, é lâmina
costura e borda o tecido entre-pele/ossos
toca, se aproxima do ponto entre-córnea/retina
incrustação do nome-imagem

três ou sete tempos depois
por motivos menos óbvios
se desfaz
desde quando
não há sinais
não há sumo

isto não é um poema: desde quando não corta, não liga, não arranha
não costura, não borda, não toca, não aproxima